O 1º de Maio e a Doutrina Social da Igreja

Um segundo 1º de Maio de pandemia. O primeiro, foi o de 2020. E de lá prá cá, a situação só piorou. Não apenas chegamos aos 400 mil mortos pela Covid 19, o que já é, em si, trágico. Junto com os milhares de mortos e os que sobreviveram com sequelas, estão os familiares que padecem as dores da ausência não devidamente ritualizada. Ao lado, a crise econômica que não é só fruto da pandemia, mas tem muito de sua origem e manutenção na opção econômica do atual (des)governo que se oculta por trás da crise sanitária para alienar as riquezas do país aos interesses estrangeiros.

Um dos resultados mais perversos de tudo isso são os milhões de homens e mulheres que não tem a possibilidade de trabalhar. 14% da força de trabalho, numa estimativa bastante conservadora, está desocupada. E isso tem consequências não apenas para eles, mas para as famílias e toda a sociedade. E, os que ainda estão ocupados, vivem uma precariedade cada vez mais perversa. Podemos vê-los nos “empreendedores” que prestam serviço às plataformas digitais de intermediação de trabalho e serviços que se veem obrigados a labutar 12, 14 e até 16 horas diárias para poder alcançar uma renda mínima que lhes permita a sobrevivência. O caso mais gritante é o dos entregadores de comida que não tem o que comer e não conseguem levar para casa comida para seus filhos e filhas.

Diante disso, que palavra temos a dizer como cidadãos e como cristãos? No vídeo abaixo, oferecemos alguns elementos da Doutrina Social da Igreja sobre esta situação. Assista, compartilhe e inscreva-se em nosso canal no YouTube:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s