Eleições na França: il faut en penser!

No último domingo foi realizado o primeiro turno das eleições presidenciais na França. O atual presidente Sarkozy e o candidato socialista, François Hollande, disputarão o segundo turno. Tudo normal, se olharmos apenas os dois nomes que polarizaram a disputa. Mas, se olharmos para o terceiro lugar na disputa do primeiro turno, as coisas já não parecerão mais normais. A Candidata do fascita Front Nacional, Marine Le Pen, fez nada mais nada menos que 17,9% dos votos. E, se olharmos as eleições presidenciais anteriores, nossa preocupação será ainda maior. Nas últimas eleições, o Front Nacional, tendo como candidato o pai de Marine, Jean Marie Le Pen, foi para o segundo turno. Nas últimas eleições, o paritido assumidamente fascista francês (outros gostariam de ser, mas tem vergonha de dizê-lo) tem conseguido o apoio de um em cada quatro franceses. Para um país que diz pátria dos direitos humanos e da democracia, isso é realmente preocupante. Ou então, mostra aquela parcela do “sprit français” que muitos franceses não querem mostrar nem ver.
 Folha.com – Mundo – Le Pen condiciona apoio a Sarkozy a aliança para legislativo – 26/04/2012

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s